Continuar Comprando

Complete sua compra:
Hidratante labial vegano com rosas e esqualano R$89
ESPÁTULA DE BAMBU BIOSSANCE R$25

Veja dicas sobre como fazer um jardim vertical

07 fevereiro, 2022

Veja dicas sobre como fazer um jardim vertical

Cada vez mais, os jardins verticais estão se tornando uma tendência nos lares. Também chamados de ecoparede ou parede verde, eles são um projeto arquitetônico que surge como uma alternativa sofisticada, bonita e sustentável para decoração. Então, como fazer um jardim vertical

Há diversas técnicas para construir o jardim vertical. Elas podem ser aplicadas tanto em casas quanto em apartamentos e são a opção ideal para quem não tem espaço para quintal, mas quer uma área verde. 

O que é o jardim vertical? 

Um jardim vertical é feito em planos verticais, geralmente paredes ou muros. Dessa forma, cria-se um painel verde com plantas do mesmo tipo ou até mesmo de diferentes espécies, o que importa é deixar a área mais colorida e cheia de vida. 

Além disso, eles podem ser feitos tanto em áreas externas quanto em áreas internas. Eles são muito comuns em fachadas de edifícios, porque a técnica cria um isolamento acústico e térmico natural, sendo uma excelente opção sustentável. Portanto, um jardim vertical ajuda a economizar energia e reduzir a poluição sonora e atmosférica. 

Você pode utilizar diversas plantas para jardim vertical, por exemplo: samambaias, jiboia, colar de pérolas, lambari-roxo e muitas outras. Porém, o que importa mesmo é ter um espaço para as plantas crescerem, que seja fácil de cuidar manualmente ou instalar um sistema de irrigação automático. 

Os tipos de jardim vertical 

Antes de aprender como fazer um jardim vertical, é preciso saber que existem diversos tipos de aplicação dessa estrutura. Ele pode ser instalado tanto em paredes quanto em cantos ou espaços com prateleiras e aparadores. Veja agora quais são esses tipos:

Jardins verticais naturais

São ideais para ambientes externos e usam vegetação natural de diversas espécies. Porém, é preciso montá-lo em locais que recebam iluminação natural.

Jardins verticais preservados

É uma alternativa para quem tem ambientes fechados que recebem pouca luz. Ele é feito de plantas naturais, mas que passam por um processo para serem conservadas. 

Jardins verticais musgo moss

O musgo moss é uma planta preservada que possui forma arredondada e vários tamanhos. Ele dá um toque de sofisticação para ambientes internos. 

Jardins verticais artificiais

São feitos com plantas artificiais, também chamadas de permanentes. A vantagem é não precisar de manutenção constante. 

Dicas sobre como fazer um jardim vertical

Na internet, existem diversas ideias de jardim vertical. Hoje, vamos trazer algumas dicas sobre como fazer um jardim vertical tanto em casa quanto em apartamento. Para isso, é só escolher o cantinho em que você deseja colocar essa área verde. 

1. Identifique espaços livres na casa

É muito importante observar bem a sua casa para saber onde vai aplicar o seu jardim vertical. Com isso, você garante um ambiente harmônico e não poluído. 

Portanto, analise quais são os lugares ideais para inserir as plantas. Pode ser uma parede vazia, um espaço na área de serviço ou até mesmo um canto próximo à janela. Outra possibilidade é criar um espaço para o jardim vertical em casa.

2. Veja que plantas cabem na sua rotina 

Sim, para saber como fazer um jardim vertical, é preciso considerar algumas variáveis como a sua rotina e a da sua família. De nada adianta comprar uma planta cara se não souber como mantê-la.

ecoparede dentro de casa.

Já se você e sua família viajam muito, é importante também que escolham plantas que não necessitem de tantos cuidados, como as suculentas. 

3. Pense no formato do seu jardim vertical

São diversas as maneiras de montar um jardim vertical. Com os vasos para jardim vertical todos juntos, você dá um efeito de preenchimento total da parede, enquanto deixá-los mais separados traz um ar mais moderno e sofisticado. 

Além disso, você pode fazer o seu jardim de mini-hortas ou plantas trepadeiras. Porém, essas últimas exigem bastante espaço para crescerem livremente.

4. Escolha as plantas de forma estratégica

A seleção das plantas para o jardim vertical não pode ser aleatória: as plantas escolhidas devem ter necessidades semelhantes. Por exemplo, se você tem um local que não bate muito sol, opte somente por plantas que não precisam de muita claridade para sobreviver. Isso vale também para aspectos como tipo de solo e irrigação.  

5. Aprenda cuidados básicos sobre água e solo

Faz parte de como fazer um jardim vertical entender como cuidar dele, principalmente com plantas naturais e/ou preservadas. Sendo assim, controle a quantidade adequada de água para as plantas não ficarem nem super-hidratadas, nem ressecadas. 

Outro ponto importante é o solo que, muitas vezes, precisa ser corrigido ou nutrido. Para isso, você pode comprar terra com adubos naturais já prontos, utilizar húmus de minhocas ou até fazer em casa, com casca de ovos batidos ou compostagem, por exemplo. 

A Biossance traz dicas de decoração e muito mais

No blog da Biossance, você encontra dicas que vão desde saúde e bem-estar até decoração. Por isso, buscamos sempre trazer informações relevantes para você. Acesse nosso blog e fique por dentro de vários conteúdos como esse aqui.



×